Resenha: Shampoo e Condicionador Inoar #Bombar

Uma marca que cada produto que eu experimento me conquista mais, sem dúvidas, é a Inoar. Eles sempre colocam ingredientes de qualidade na composição e os preços eu considero bem justos. Essa linha #Bombar é também vegana (ou seja, não tem produtos de origem animal na composição) e não é testada em animais. A linha é composta por shampoo, condicionador e máscara. Esta última ainda não tive oportunidade de testar, mas hoje vamos falar sobre o shampoo e condicionador.

 

 

SHAMPOO #BOMBAR INOAR

O que diz a marca?

Quer saber o que faz o cabelo ficar mais macio, hidratado e saudável? A Inoar te conta:

  • Biotina: conhecida como a vitamina da beleza, ajuda no crescimento, fortalecimento e combate à queda;
  • D-Pantenol: hidratação, brilho e maciez.

 

Composição

Aqua, Dissodium EDTA, Sodium Benzoate, Poliquaternium-10, Disodium Laureth Sulfocuccinate, Cocamidopropyl Betaine, Disodium Cocoamphoacetate, Glycerin, PEG-7 Glyceryl Cocoate, Rosmarinus Officinalis Extract, Polysorbate 20, Citric Acid, Parfum, PEG-120 Methyl Glucose Dioleate, Tocopheryl Acetate, d-Panthenol, Biotin, Rosmarinus Officinalis Oil, Persea Gratissima (Avocado) Oil, Coconut Oil, Ceramide lll, Hydrolyzed Wheat Protein/ Hidrolyzed Soy Protein/ Avena Sativa (OAT) Meal Extract, Parfum, Citric Acid, Hexyl Cinnamal, Limonene.

LIBERADA PARA LOW POO!

 

O que achei?

Recentemente eu cortei bastante meu cabelo e saí correndo para comprar produtos que me ajudem no crescimento. Ao mesmo tempo, tenho muito medo disso, prefiro cuidar do cabelo para que ele cresça naturalmente saudável. Mas vi comentários bons dessa linha e resolvi testar. É claro que tomo o cuidado de alternar esse shampoo com outro, para não ter um efeito reverso, causando queda ou quebra de cabelo.

O problema é que gostei tanto dele que as vezes não quero alternar! O shampoo é perolado e leve. Na primeira vez que usei, achei que não fazia espuma, mas depois observei que faz sim uma espuma considerável e limpa bem. E o melhor de tudo: quase não resseca meu cabelo. Qualquer shampoo resseca meu cabelo e deixa bem embaraçado, isso é fato. Mas observei bem menos isso com esse shampoo da Inoar.

 

Quanto ao crescimento, há mais ou menos um mês que uso, observei sim crescimento, mas tenho usado óleo de rícino na umectação, então não sei dizer quem é o responsável pelo crescimento. Além disso, acho que com o corte que tirou boa parte dos danos do meu cabelo, houve estímulo para o cabelo crescer.  Por isso, eu não acredito em produtos milagrosos. Acredito que cabelo bem cuidado e a sua saúde (alimentação, nenhuma deficiência de vitaminas, etc) é que são fundamentais para o crescimento.

Acredito também que apesar desses produtos não serem milagrosos, eles podem ajudar. Na composição do shampoo, tem a biotina, que a marca diz que é um vitamina que ajuda no crescimento e combate à queda, além de extratos de óleos e proteínas.

Enfim, mesmo que não ajudasse no crescimento, é um shampoo liberado que eu recomendo muito.

 

CONDICIONADOR #BOMBAR INOAR

O que diz a marca?

Quer saber o que faz o cabelo ficar mais macio, hidratado e saudável? A Inoar te conta:

  • Óleo de Coco: rico em vitamina E e ácidos graxos, é um poderoso hidratante que age na porção interna do fio de cabelo, reconstruindo-o e fortalecendo-o.
  • Óleo de Abacate: rico em vitaminas A, B, D e E, nutre e restaura, com alta capacidade de penetração na fibra capilar.
  • Biotina: conhecida como a vitamina da beleza, ajuda no crescimento, fortalecimento e combate à queda;
  • Manteiga de Karité: regenera e hidrata intensamente.

 

COMPOSIÇÃO

Aqua, Cetrimonium Chloride, Disodium EDTA, Phenoxyethanol, Cetearyl Alcohol, Triticum Vulgare Germ Oil, Cetearyl Alcohol / Polysorbate 60, Glycerin, d-Panthenol, Tocopheryl Acetate, Hydrolyzed Wheat Protein / Hydrolyzed Soy Protein / Avena Sativa (OAT) Meal Extract, Ceramide III, Biotin, Rosmarinus Officinalis Oil, Persea Gratissima (Avocado) Oil, Coconut Oil, Shea Butter, Theobroma Cacao Seed Butter, Parfum, Citric Acid, Hexyl Cinnamal, Limonene.

LIBERADO PARA LOW E NO POO!

 

O que achei?

É um condicionador bem leve que a assim que coloquei na mão pela primeira vez, achei que não ia dar certo, porque meu cabelo sempre gostou de condicionador mais consistente. Mas, apesar da consistência, ele é muito hidratante, me surpreendeu. Meu cabelo desmaia com ele. Sempre que lavo costumo hidratar, mas com esse condicionador posso usar só shampoo e condicionador (como pessoas “normais” haha) e dá muito certo!

 

A hidratação que ele fornece vem da composição rica em óleos e ingredientes emolientes. Além disso, por ser liberado para no poo, o condicionador pode ser usado para co-wash, o que é maravilhoso, porque sabemos que para estimular crescimento devemos aplicar o produto na raiz do cabelo. Então a Inoar pensou certo ao elaborar esse produto: nada de ingredientes mirabolantes para fazer cabelo crescer que podem até causar queda, como outros produtos tem acontecido. A marca investiu em itens que realmente tratam e deixam nosso cabelo saudável para que, como consequência, ele cresça.

Resumindo, só amor por essa linha!

O único ponto negativo é que só é vendido shampoo e condicionador juntos e é mais fácil achar a versão de 1l. Os meus são de 250ml, mas não é tão fácil de encontrar. Para quem é de São Luís, comprei na Cida Cosméticos do João Paulo. O preço infelizmente não guardei, mas acredito que foi em torno de R$ 30,00.

A Inoar lançou uma nova versão dessa linha, a #Bombar Coconut, que ainda não testei, mas fiquei curiosa. Alguém já usou? Se sim, me contem!

Sigam o instagram @cachoseoutrasondas estou lá com mais frequência compartilhando tudo!

Beijos!

 

Resenha: Shampoo Tratamento Pra Arrasar #ToDeCacho Salon Line

Há algum tempo eu queria experimentar esse shampoo da linha #ToDeCacho da Salon Line, já que ele me chamou muita atenção com a embalagem escrita “cachos ressecados jamais!”. Eu já comentei algumas vezes que tinha o maior problema em achar um shampoo que não ressecasse meu cabelo, mesmo os sem sulfato. A resenha de hoje é uma das soluções para isso. Vamos lá!

 

img_0810

 

O QUE DIZ A MARCA?

Difícil confiar em um Shampoo que limpa e não resseca os fios? O Shampoo Tratamento Pra Arrasar nasceu para acabar com o temos das espumas! União mais que perfeita de espuma e hidratação que você sempre sonhou! Seu cabelo limpo e livre do ressecamento! Porque vamos combinar… hidratação é tudo! Duvida?! Experimente…e saia arrasando por aí! 😉

Óleo de Coco Extra Virgem: rico em ácidos graxos, ômegas 6 e 9, vitamina E e antioxidantes.

Manteiga de Oliva: rico em vitamina A, D e K, antioxidantes e extra emoliência.

D-Pantenol: hidratação de longa duração, maciez e brilho.

 

COMPOSIÇÃO

Aqua, Disodium EDTA, Polyquaternium-10, Hydroxyethylcellulose, Glycerin, PEG-14M, Polyquaternium-7, Cocamidoprpyl Betaine, Parfum, Methylchloroisothiazoline, Methyllisothiazoline, DMDM Hydatoin, Olea Europaea Fruit Oil, Elaeis Guineensis Kernel Oil, Cocos Nucifera Oil, Panthenol, Hexyl Cinnamal, Linalool.

LIBERADO PARA LOW POO! (não confundir com outro shampoo tô de cacho que não é liberado)

 

O QUE ACHEI?

É um shampoo bem leve, bem líquido e transparente. O cheirinho é muito bom, como todos os produtos da linha Tô de Cacho. A embalagem uma fofura também.

img_0812

 

Ele não faz muita espuma, mas faz uma boa limpeza. Só que não deixa aquela sensação de couro cabeludo limpo, o que pode ser um ponto negativo para muitas pessoas. Eu acabo usando mais de uma vez para garantir a limpeza e por ser muito líquido, acho que não está rendendo muito. Mas é um produto eficiente, já removi umectação com ele e deu certo.

No geral, eu gostei muito. Realmente não resseca nem um pouco os cachos e tem uma composição maravilhosa. Além dos óleos e pantenol citados acima, tem ainda glicerina, componente hidratante e o Cocamidoprpyl Betaine é o responsável pela limpeza.

Paguei R$10,00 por essa embalagem de 200ml. A linha possui ainda condicionador, mas ainda não usei.

P.S.: é importante lembrar que esse shampoo, por não conter sulfato, não retira petrolatos e silicones insolúveis. Se você usa produto com esse tipo de substância, ou seja, não faz low poo, precisa alternar com outro shampoo comum  para fazer a limpeza correta.

Quem já usou esse produto? O que acharam?

Beijo!

 

patty

 

5 Shampoos sem Sulfato (Low Poo)

Um dos temas mais pesquisados aqui no blog é o low poo, principalmente produtos indicados. Aqui e aqui você encontra todas as informações sobre essa técnica.

Para ajudar, vou tentar reunir em posts separados, cada categoria de produtos liberados para a técnica. Vou dar preferência aos mais baratinhos e aos que eu ou Sabryna já testamos. Conto com a ajuda das amigas do grupo de cacheadas do whatsapp para dar mais opções para vocês também.

A categoria de hoje é shampoo sem sulfato, fundamental para o low poo, e contei com a ajuda delas, pois, como já contei, aderi ao no poo e não tenho mais usado shampoo (veja aqui). Espero que gostem das dicas!

 

1- Shampoo Dove Baby: este foi o último shampoo que usei e ainda tenho em casa para usar de vez em quando para um lavagem mais profunda. É um dos que mais as meninas têm usado no grupo. É baratinho e fácil de encontrar. Paguei um pouco mais de R$ 10,00. Infelizmente, em mim ainda ressecou um pouco, mas uma dica boa é misturá-lo com Yamasterol. Confira a resenha completa aqui.

 

20160229_104411

 

2- Shampoo Phytoervas Coco e Algodão: já esse aqui foi o primeiro shampoo sem sulfato que experimentei. Apesar também de ressecar um pouco e ser mais caro que o Dove, achei um ótimo custo-benefício, pois rendeu bastante. Custou em torno de R$ 14,00 quando comprei. Não é tão comum encontrar em supermercados, é mais fácil em lojas de cosméticos. Veja a resenha em detalhes aqui.

 

edit

 

3- Less Poo Yamasterol: esse foi uma dica da Sabryna, que fez resenha neste post aqui. O Yamasterol já é um velho amigo nosso e a marca criou esse shampoo sem sulfato. A Sabry comprou por R$ 11,50 e achou que não ressecou o cabelo.

 

Comprinhas Yamasterol

 

4- Shampoo Bio Extratus Pós Progressiva: esta opção é uma dica do nosso grupo de cacheadas e também é muito falado por aí. Os comentários é que ele faz uma limpeza leve sem ressecar. Outro ponto positivo é que é possível de ser encontrado em supermercados. Porém, pelo menos aqui em São Luís, não acho o preço tão bom. Encontro por volta de R$ 18 – R$ 20,00 e, como sempre tinham opções mais barata, nunca decidi experimentar. Mas ele é muito bem recomendado e fica a dica se você quiser testar um shampoo diferente.

 

bio extratus

 

5- Novex Low Poo: por fim, outra dica do nosso grupo querido. O Novex Low Poo é um shampoo sem sulfato. Causa um pouco de confusão, porque vem em um kit junto com o No Poo. Daí ou as pessoas não sabem como usar os dois ou querem experimentar só um. Na verdade o Low Poo é o shampoo e o No Poo pode ser usado como condicionador ou co-wash. O kit custa em torno de R$ 20,00.

 

low poo

 

Gostaram das dicas? Espero que ajude a escolher um shampoo sem sulfato para montar o kit de vocês. Se tiverem mais algum para acrescentar, deixem nos comentários.

Beijos e até mais!

 

patty

Resenha: Shampoo Dove Baby

Oi, como vocês estão? Hoje vamos falar sobre uma opção de shampoo sem sulfato baratinha e fácil de encontrar. Quem faz low poo precisa usar esse tipo de shampoo. Leia sobre a técnica aqui e aqui.

Os shampoos Johnson Baby já são bastante conhecidos e utilizados. Há algum tempo a linha baby da Dove tem ganhado espaço também. Ouvi comentários e indicações desse shampoo e resolvi experimentar.

 

20160229_104411

 

O QUE DIZ A MARCA?

É o único shampoo que repõe a hidratação e os nutrientes essenciais do couro cabeludo enquanto limpa suavemente. Couro cabeludo visivelmente saudável, cabelo macio e delicadamente perfumado.

 

COMPOSIÇÃO

Aqua, Glycerin, Cocamidopropyl Betaine, Sodium Cocoyl Glycinate, Polyacrylate-33, Parfum, Phenoxyethanol, Stearic Acid, sodiumLauroyl Isethionate, Dimethiconol, Caprylyl Glycol, Lauric Acid, Sodium Hydroxide, styrene/Acrylates Copolymer, Sodium Tallowate, Tetrasodium Edta, Sodium Isethionate, Sodium Stearate, Etidronic Acid, Sodium Cocoate/Sodium Palm Kernelate.

 

Liberado para LOW POO. Perceba a presença do Cocamidopropyl Betaine que é o componente responsável pela limpeza na ausência do sulfato.

 

O QUE EU ACHEI

Eu estava muito animada para testar esse produto por causa das recomendações. Quando comprei, fiquei mais animada ainda, porque amei o cheiro e a consistência. Ele é leve e cremoso. Não é perolado, característica de shampoo de limpeza mais profunda. Como tenho dificuldade de encontrar shampoo que não resseque meu cabelo, esperava no Dove Baby a  solução.

 

20160229_104454

 

Ele realmente faz uma boa limpeza e deixa um cheirinho suave. Mas mesmo sendo leve e prometendo hidratação, ele ainda resseca bastante. Testei puro e misturando Kanechom Kids. Este último ameniza um pouco a agressão do shampoo. Fiz um post sobre as formas de reduzir a quantidade e os efeitos do shampoo, leia aqui.

O shampoo Dove Baby é menos agressivo que o Phytoervas que usava e fiz a resenha aqui, mais barato (paguei R$ 10,80; a embalagem de 400ml custa R$ 14,00) e mais fácil de encontrar, já que tem em qualquer supermercado.

Porém, confesso estar um pouco cansada do efeito de shampoo no meu cabelo. Dá um trabalhão hidratar e desembaraçar depois que lavo o cabelo, pois ele fica MUITO ressecado. Por isso, aproveito esse post para comunicar que vou fazer uma experiência com o no poo. 

A última vez que lavei com o Dove Baby foi para retirar os silicones insolúveis. Agora ficarei sem shampoo (apenas co-wash) e sem silicones insolúveis em água, além dos petrolatos. Somado ao ressecamento, pretendo observar se melhora o meu problema de caspa que insiste em voltar (comentei um pouco aqui). Breve conto para vocês o resultado.

Mas, como conclusão, o Dove Baby é uma ótima opção de shampoo sem sulfato. Em mim ressecou, mas cada cabelo é uma sentença, acho que o meu tem uma grande tendência a ressecar. Vale a pena experimentar, pelo preço, cheiro e alternativa de misturar água ou condicionador para ameninar a agressão.

E vocês? Já usaram? Vocês se dão bem com shampoo?

Beijos e até a próxima!

 

ATUALIZAÇÃO: assim que fiz esse post, gostava do cheiro. Agora simplesmente ODEIO! Hahaha. Tem um cheiro muito esquisito de produto químico/remédio.

 

patty

Reduzindo o uso de shampoo: cabelos menos ressecados!

Olá, como vocês estão? Hoje vim falar de um item que, para mim, é vilão dos cabelos cacheados e crespos (de outros tipos também): o shampoo. Muitas pessoas já estão familiarizadas com as técnicas de low e no poo que mostrei aqui, aqui e em vários outros posts do blog. Porém, eu sei que nem todos aderiram à técnica ainda ou ainda estão pensando em aderir. O post de hoje vai ajudar muito a entender e reduzir os danos do shampoo aos cabelos.

Em primeiro lugar, é preciso entender que a maioria dos shampoo possui sulfato, que é tipo um detergente que limpa não só as impurezas acumuladas no cabelo, mas também a oleosidade natural do couro cabeludo, por causa da agressividade desse componente. Alguns shampoo são mais potentes nessa ação de limpeza, outros menos. O resultado é o ressecamento dos fios.

Em segundo lugar, cacheadas e crespas devem entender que a estrutura do nosso fio dificulta um pouco a hidratação. Naturalmente temos cabelos mais ressecados que sofrem bastante com quantidade de shampoo utilizada. Por outro lado, cabelos oleosos também sofrem consequências, já que quanto mais retirada a oleosidade natural, mais o organismo entende que precisa repor, produzindo ainda mais óleo.

Caso você ainda não queira aderir ao low ou no poo, veja algumas dicas para reduzir o uso de shampoo no seu dia a dia.:

1- Use shampoo APENAS na raiz dos cabelos: parece uma dica muito óbvia, mas que muitas pessoas ainda não seguem. No couro cabeludo é que se concentram as impurezas que precisam ser eliminadas. O comprimento do cabelo é mais seco e sofrem mais ao receber o shampoo. A água com shampoo que escorre é suficiente para limpar as pontas do cabelo.

 

download (5)

 

2- Massagear bem o couro cabeludo: invista um pouco mais de tempo massageando suavemente o couro cabeludo com a ponta dos dedos. A lavagem será mais eficiente e você não precisará utilizar maiores quantidades de shampoo.

3- Misturar água ao shampoo: num potinho ou até na sua mão, coloque uma quantidade menor de shampoo do que você costuma usar e acrescente água. Misture e aplique no couro cabeludo. O produto vai se espalhar de forma mais fácil, fazendo a limpeza com uma menor quantidade de shampoo.

 

ScreenHunter_06-Aug.-13-12.51 (2)

 

4- Adicionar condicionador ou fazer co-wash: assim como a água, adicionar condicionador para diluir o shampoo também é uma boa alternativa para reduzir a quantidade utilizada de shampoo, além de possuir substâncias hidratantes. Porém, precisa ser um condicionador livre de parafinas, silicones, petrolatos, ou seja, um shampoo liberado para co-wash, pois estas substâncias não podem ser aplicadas na raiz do cabelo. Experimente também substituir uma de suas lavagens pelo co-wash. Para saber como fazer, clique aqui.

 

co-wash-fb

 

5- Adicionar mel: é bastante comum hidratações caseiras com mel, ensinei uma aqui. Mas ele também pode ser acrescentado no shampoo. O mel natural tem propriedade antibacterianas, além de ser hidrante, ressecando menos os fios.

 

beneficios-do-mel-colher

 

6- Umectação e Pré-Poo: a umectação consiste em envolver todo o cabelo com óleo vegetal. Fazê-la antes de lavar protege o cabelo da agressividade do shampoo. O Pré-poo são diferentes tratamentos também utilizados antes do shampoo. Podem ser máscaras, condicionadores, óleos ou receitas caseiras. São aplicados 15 ou 20 minutos antes, depois prossegue a lavagem normalmente.

 

oleo-no-cabelo

 

Siga essas dicas e percebe o quanto vai reduzir o ressecamento do seu cabelo. As hidratações também serão mais eficientes, além de necessitar menores quantidades de produtos 🙂

Alguma dúvida? Conte aí nos comentários!

Até mais!

patty

Resenha Shampoo Yamasterol

Olá, migas. Como vão?

O post de hoje é pra falar um tiquinho do shampoo que eu tô usando, o Yamasterol, da Yama.

Comprinhas Yamasterol

 

Como eu comentei em posts passados, eu comecei a fazer o Low Poo e deixei de usar shampoo com sulfato.  Nesse frasco contém 0% sulfato, corante, parabenos e sal.

O Yamasterol já é famosinho na vida de quem faz Low Poo. Ele é relativamente fácil de encontrar, o preço é bacana (comprei por R$11,50) e o cheiro dele é maravigostoso. Mas atenção, ele quase não produz espuma, então se for a primeira vez que você vai usar um shampoo sem sulfato não estranhe: é assim mesmo.

Ele deixou o meu cabelo com aspecto de limpo sem aquela aspereza típica deixada pelos shampoos comuns e com um toquezinho de frescor no final.

Um pedaço da composição dele:

IMG_20160126_200419474

 

Vocês podem encontrar dois tipos de Yamasterol nas lojas: esse rosinha e um amarelinho. Esse rosa é o shampoo e o amarelo é co-wash, ok? Um serve para uma coisa e o outro pra outra coisa.

Eu uso 3 vezes por semana, pra acompanhar o Cronograma Capilar, e até agora ele me pareceu bastante rentável também. Tô gostando bastante mas pretendo experimentar outros, então assim que achar e usar venho correndo contar aqui no blog.

E vocês? Já usaram Yamasterol? Gostaram? Compartilhem com a gente 😉

 

Beijinhos,

Marca Sabryna

Minha experiência com Shampoo de Café (Paty)

Oi, gente! Lá vem mais uma receita caseira. E, como todas, levanta questionamentos se funciona ou não. A de hoje está sendo muito falada por aí: o shampoo de café.

 

escurecer-o-cabelo-com-café

 

Tem algumas variações da receita, mas a mais comum é colocar o pó de café dentro do shampoo, numa quantidade de 1 colher de sopa pó para cada 100ml de shampoo. Como é uma receita caseira, percebo que cada pessoa tem tentado de um jeito diferente: uns só colocam em shampoo transparente, outros só em shampoo sem sulfato, até aqueles que colocam em condicionador (as hidratações com café também são comuns, breve experimento para contar aqui).

 

PARA QUÊ CAFÉ NO SHAMPOO?

Acredita-se que serve para estimular o crescimento do cabelo, tanto pela presença da cafeína tanto pelos grânulos que fazem uma esfoliação no cabelo. A esfoliação acompanhada de massagem no couro cabeludo estimulam a circulação sanguínea, remove células mortas e retira excesso de oleosidade e produtos acumulados. Isso obstrui os folículos capilares e atrapalha o crescimento, além de possivelmente gerar caspa e queda de cabelo.

 

A CAFEÍNA ESTIMULA MESMO O CRESCIMENTO?

Algumas linhas de produtos capilares contêm cafeína na composição. Acredito que foi isso que estimulou as pessoas a tentarem colocar café no shampoo. Além disso, a Universidade Lübeck na Alemanha realizou um estudo que concluiu que a cafeína pode auxiliar no combate à queda e crescimento capilar em até 25%. Outros estudos confirmam a ação positiva da cafeína. Neste post da Ju do blog Juro Valendo ela coloca alguns links desses estudos, clique aqui.

 

ENTÃO, COLOCAR CAFÉ NO SHAMPOO AJUDA A CRESCER O CABELO?

Há controvérsias, pois esses estudos mostram ainda que a cafeína que estimula o crescimento é a anida, uma cafeína pura sintetizada. O nosso café de casa não tem uma concentração tão alta de cafeína para proporcionar esses resultados, segundo as pesquisas. Algumas linhas sim possuem esse componente e produtos manipulados também podem ter mais eficácia.

Por outro lado, é possível encontrar pessoas que tiveram bons resultados de crescimento ao utilizar shampoo com café. É aquela coisa que as vezes funciona para um, não para outro, outros fatores interferem e pode-se confundir com o efeito do produto, enfim. São muitos aspectos para levar em consideração até da rotina de cada pessoa. Mas, para ilustrar, vou contar meu caso com o shampoo de café.

 

MINHA EXPERIÊNCIA

Eu cheguei ao shampoo de café não interessada no crescimento capilar, mas sim na esfoliação que comentei no início. Estava enfrentando uma crise de caspa seríssima e já tinha tentado várias coisas (devo detalhar em outros posts esse problema). Daí me sugeririam o shampoo de café, pois algumas pessoas tiveram bastante melhora na caspa ao utilizá-lo. Então, decidi experimentar.

Utilizei o restinho de um shampoo da Pantene Brilho Extremo e misturei uma colher de chá de café não muito cheia. Daí misturei e ficou como na foto. Na embalagem ele fica mais escuro do que aparenta na foto e o shampoo fica mais líquido do que sua consistência normal.

 

20160117_094157

20160123_135116

 

O cheiro fica uma mistura entre o do shampoo e do café, não me incomodou tanto. Dá um pouquinho de trabalho para remover, mas também não achei nada demais também.

 

RESULTADO: o café faz uma esfoliação poderosa, associado a esse shampoo, que tem sulfato, meu cabelo ficou muito limpo, porém, bastante ressecado. Obviamente já era algo que eu esperava, pois algum tempo fazendo Low Poomeu cabelo sofre bastante com o uso de sulfato. Mas, por causa da caspa, eu queria experimentar essa limpeza profunda e remover os resíduos e, nesse sentido, funcionou muito bem. Meu problema da caspa melhorou muito!

Quanto ao crescimento, não posso afirmar, não vou continuar usando, pois realmente ressecou MUITO meu cabelo e já alcancei meu objetivo que era melhorar a caspa. Contudo, observem algumas coisas:

 

  • Cabelo cacheado é ressecado naturalmente, então a agressão dessa mistura é mais intensa no meu tipo de cabelo. Se seu cabelo é normal ou oleoso, talvez não sinta tanto. Além disso, cada cabelo é uma sentença;
  • Eu usei shampoo COM sulfato, porque era o que tinha fácil em casa e queria terminar. Mas o shampoo sem sulfato deve ser menos agressivo. Recomenda-se shampoo transparente;
  • Eu usei apenas uma vez na semana, o que acho mais adequado para não agredir tanto. Logo em seguida sempre fazia uma hidratação potente;
  • Como sabem, eu tenho mechas loiras. Não percebi alteração na cor, mas é possível que com o uso contínuo tenha algum efeito.

 

CONCLUSÃO: eu recomendaria o shampoo de café para esfoliação do couro cabeludo e auxílio no problema da caspa. Quanto ao crescimento, vimos que cientificamente não há nada comprovado e também não fiz a experiência. Se você quiser experimentar para este fim também não vejo problemas, já que é uma composição muito simples e sem riscos. Se quiser ter maior certeza da eficácia, vale investir um pouco mais num produto manipulado. Nesse tipo de farmácia os profissionais orientam na compra do produto.

Alguém mais já usou o shampoo de café? Conte aqui o que você achou. Quem tiver dúvidas, podem deixar também.

Beijos, boa semana para vocês!

patty

Comprinhas de Produtos

Olá, migas. Como vão?

O post de hoje é pra falar de comprinhassss. AMO.

Assim que fiz o BC eu corri pra loja de cosméticos comprar produtinhos novos pro meu cabelo novo. No mesmo dia, assim que saímos do salão, eu e Paty fomos bater perna pra encontrar tudo o que eu queria haha

Como eu estou começando o Low Poo e quero continuar com o Cronograma Capilar, nós fomos buscar produtos que se encaixassem nos dois.

Primeiramente eu vou mostrar tudo o que comprei, quanto custou e como eu vou usar. Depois, em outros posts, eu vou fazer resenhas dos cremes pra contar pra vocês o que achei, beleza?

Então vamos lá.

Shampoo

Comprinhas Yamasterol

 

Eu comprei o clássico Yamasterol pra lavar o cabelo. Ele é bem levinho e tem um cheirinho muito gostoso. Custou em volta de R$ 11,50.

Máscara de Nutrição 

Para nutrir o cabelo, eu comprei esse creme da SoftHair, com Arginina na fórmula. Ele custou uns R$ 11,00.

Máscara de Reconstrução

Comprinhas Manteiga Tut

Para a reconstrução eu comprei essa máscara também da SoftHair, porém com Queratina, e custou o mesmo preço da anterior.

Máscara de Hidratação

Comprinhas Pantene

Nos dias de Hidratação eu vou usar essa Máscara da Pantene, ultrahidratante, que eu já usei quando tinha o cabelo liso e gostei bastante. O preço foi R$ 15,00.

Creme de Pentear

Comprinhas Creme

O Creme de Pentear eu resolvi mudar e experimentar esse outro da linha Tô de Cacho, da Salon Line. Eu usava o para cabelos 3bc e quis testar esse pra tipo 4. Custou exatos R$ 11,49.

Borrifador

Comprinhas borrifador

Eu sei que parece aquele trocinho de limpar vidros, mas é um borrifador pra cabelos, miga. Serve pra umidificar os fios e dar aquela ajeitadinha nos cachos nos dias que não quiser molhar/lavar. Custou R$ 5,50 e infelizmente não tinha na cor rosa, que eu amo.

Bom, isso foi tudo o que eu comprei pra cuidar da nova fase do meu cabelo e vou contar mais sobre eles nos próximos dias. A maioria eu encontrei no Shopping dos Cosméticos, em frente ao Terminal de Integração da Cohab, pra quem é aqui de São Luís. E a Máscara de Hidratação eu comprei em uma lojinha mais adiante, na mesma avenida (não recordo o nome agora, mas é uma loja de cosméticos também).

Até a próxima, beijinhos.

Marca Sabryna

 

Como começar o Low Poo? Que produtos usar?

Oi, gente! Desde que fiz o post sobre Low e No Poo, percebi que muitas pessoas continuam com dúvidas. Então, decidi fazer mais alguns posts tentando esclarecer as principais. Se você não leu o primeiro post, pare e leia para continuar. Clique aqui.

Nesse post, vamos falar de como começar a técnica. Não sou expert no assunto, mas me baseio na minha experiência que tem dado certo. Acredito (minha opinião!) que é preferível começar pelo Low Poo, porque talvez você ainda vai poder aproveitar alguns produtos que você tem e vai passar por menos mudanças na sua rotina.

Também é possível fazer uma migração gradual para técnica. Eu, por exemplo, primeiro parei de usar produtos com petrolatos (parafina líquida, óleo mineral, etc) antes de aderir totalmente à técnica.

Então, o primeiro passo é checar seus produtos, cremes, máscaras, finalizadores e manter somente os que não possuem essas substâncias. se você quiser ir mais devagar e preferir manter ainda algum produto proibido, lembre-se de lavar com shampoo com sulfato algumas vezes. Procure doar os produtos que você tem que não são permitidos, tente trocar com alguém. Garanto que vale a pena.

Segue novamente a tabela completa, a que considero mais importante para as duas técnicas:

 

Slide1

 

Daí, antes de começar de fato a técnica, você precisa lavar com shampoo COM SULFATO. Isso mesmo. O tempo que você passou usando petrolatos fez com que eles se acumulassem no seu cabelo e somente o sulfato pode retirar. Sugiro lavar pelo menos 2 vezes para garantir que cabelo estará totalmente livre dessas substâncias. Lave com sulfato, hidrate e finalize com os produtos liberados, conforme expliquei acima.

Muitas meninas comentam sobre problemas com caspa no começo da técnica. Isso pode ser causado justamente pelo acúmulo dessas substâncias no couro cabeludo. Se você já começou o low e está com esse problema, use shampoo com sulfato e depois recomece.

Depois disso, você já pode abandonar o sulfato, que é um componente presente na maioria dos shampoos. Esses são fáceis de identificar nas composições, são escritos com sulfate ou sulfonete.

 

Slide2

 

E agora, como lavar o cabelo? Você vai procurar shampoos SEM SULFATO (conforme tabela acima). Deixo aqui algumas sugestões, mas existem outros no mercado.

 

FotorCreated

 

1- Shampoo Phytoervas Coco e Algodão (resenha aqui).

2- Shampoo Argan Oil Lola Cosmetics.

3- Shampoo Creoula Lola Cosmetics.

4- Shampoo Bio Extratus Pós Progressiva.

5- Bio Extratus Low Poo.

6- Novex Low Poo.

7- Shampoo Johnson’s Baby.

8- Shampoo Dove Baby.

9- Deva Curl Low Poo.

 

Você pode alternar a lavagens também seguindo a técnica do co-wash que eu expliquei neste post aqui. Nele você encontra também sugestões de produtos. Basicamente, é lavar com condicionador, mas não pode ser qualquer um. Recomendo bastante o co-wash por ser menos agressivo e mais hidratante.

Aproveito para deixar sugestões de máscaras para Low Poo. Algumas são para No também, mas se seu objetivo é iniciar o Low, você pode utilizar qualquer uma destas:

 

FotorCreated

 

1- Morte Súbita Lola Cosmetics (resenha aqui).

2- Dream Cream Lola Cosmetics.

3- Head & Shoulders Hidratação.

4- Monange Hidratação Intensa.

5- Pantene (todos os cremes de hidratação são liberados)

6- Bio Extratus Banho de Creme.

7- Natura Ekos Castanha Hidratação Intensa.

 

E sugestões de creme de pentear/finalizadores:

 

FotorCreated

 

1- Creme de Pentear Monange Hidratação Intensiva.

2- Creoula Lola Cosmetics.

3- Milagre Lola Cosmetics.

4- Pantene Cachos Definidos.

5- Casulão Umectante Capialar.

6- Tô de Cacho Salon Line.

7- Elséve Óleo Extraordinário.

 

ATENÇÃO! São SUGESTÕES! Existem muitos outros produtos e dentro mesmo destas marcas que citei existem outras opções. Habituando-se à técnica, a gente vai encontrando outras possibilidades, aqui é só um norte 🙂

No Low Poo, você ainda pode fazer uso dos silicones insolúveis. Depois de algum tempo, algumas pessoas sentem que os silicones também pesam no cabelo e migram para o No Poo, onde somente os silicones solúveis em água são permitidos. No primeiro post tem as tabelas completas de substâncias para cada técnica.

De benefícios do Low Poo, para mim, notei melhoria no problema de caspa, mais hidratação e definição do cabelo. Algumas pessoas sentem também crescimento mais rápido, o que já não posso afirmar, porque meu cabelo sempre cresceu bem.

Minhas outras sugestões sobre a técnica são: conheça ou pelo menos tenha uma noção das tabelas, porque nem sempre você terá alguém para perguntar e as pessoas estão sujeitas ao erro também. Você pode deixar salvas no celular para facilitar.

Tenha paciência, parece muito complicado, mas logo se transformá em algo rotineiro e você vai notar mudanças no seu cabelo. LEMBRANDO: qualquer tipo de cabelo pode seguir essas técnicas, não só cacheados.

Qualquer dúvida, perguntem. Isso nos ajuda muito a direcionar os próximos posts!

Até mais 🙂

patty

Resenha: Shampoo Phytoervas Coco e Algodão

Oi, gente! Hoje trago a resenha de um shampoo sem sulfato. Pra quem não sabe, eu sigo a técnica do Low Poo  e assim que aderi a essa técnica, tive que procurar um shampoo sem sulfato e esse da Phytoervas foi o primeiro que passei a usar.

Os shampoos sem sulfato são encontrados mais facilmente nas lojas de cosméticos e, ainda assim, em algumas não encontramos muitas opções. Dessa linha da Phytoervas, encontrei vários e escolhi o de Coco e Algodão pelo cheirinho e pela promessa de hidratação intensa.

 

edit

 

O QUE DIZ A MARCA?

O Shampoo Phytoervas Hidratação Intensa possui uma fórmula avançada enriquecida com coco e algodão, que limpa e devolve a hidratação perdida, deixando os cabelos limpos, renovados, hidratados e com brilho.

COMPOSIÇÃO

edit 2

 

O QUE ACHEI?

Antes de começar o Low Poo, pensava que o shampoo sem sulfato não fazia uma boa limpeza ou nem fazia espuma, mas esse faz uma espuma considerável e sinto a limpeza, até pela consistência perolada e um pouco transparente dele. Por causa disso, eu sinto que ele ainda resseca um pouco, menos que um shampoo normal, mas não senti que ele cumpre a hidratação intensa que promete.

 

edit

 

Meu cabelo melhorou muito depois que passei a evitar shampoo e mesmo o sem sulfato, tenho usado somente uma vez na semana, os demais dias faço co-wash (lavar o cabelo com condicionador sem silicones e petrolatos), que tem sido maravilhoso pro meu cabelo.

Mesmo assim, considero que é um produto que vale a pena, já que paguei por volta de R$ 14,00 e tem durado meses. Uso pouco e ele rende bastante. O cheirinho eu adoro, se você gosta de cheiro de coco, também vai adorar. Mesmo assim, acho que não vou comprar de novo, pois quero experimentar outros shampoos e encontrar algum que resseque menos.

Um ponto legal é que a Phytoervas segue uma política de cosmética integral, ou seja, usa ativos da natureza na sua forma mais pura, sem adição de química. Tem a fórmula livre de ingredientes de origem animal e não testa os produtos em bichinhos. Ótima iniciativa da marca 🙂

 

edit 3

 

O que acharam? Se já usaram, me contem a experiência de vocês! Beijos e até a próxima.